A MUDANÇA QUE NEM EU ESPERAVA!

15/11

E mais uma vez eu venho até vocês de coração aberto, para compartilhar tudo que aconteceu em mais uma mudança, em mais um novo ciclo. Um corte de cabelo representa um reencontro comigo mesma, espero vocês para esse bate papo.

Eis que um novo ciclo se inicia. Honro tudo o que me trouxe até aqui. Honro minhas transformações. Honro as lágrimas, as dores e honro minha superação sobre elas.

Eu não sou meu cabelo, nem minhas roupas, nem minhas coisas. Eles não representam minha complexidade, mas sim, dizem muito sobre minha essência. E agora, mais livre, mais empoderada, mais eu… manifesto esse novo eu! E tudo veio com acolhimento, carinho e auto-amor… veio de uma força que escondi ou tive medo de manifestar, mas sempre esteve ali. Bem vinda eu mesma, que bom te encontrar de novo.

De fato se emancipar sobre aprovação e aceitação, foi uma das maiores transformações que já vivi. Eu sei o que espero de mim mesma e o que os outros esperam de mim não precisa ser minha responsabilidade. Eu sou grata a vocês minhas irmãs, minhas amigas, que me acompanham em tantas aventuras! Que possamos sempre recomeçar quando der vontade, quando for preciso e gritar por mundo quem somos como somos, sem esperar nada em troca… só pela liberdade de ser.

Eu conheci o trabalho da Debora da Casa Júpiter e fiquei encantada, foi uma experiência incrível e eu compartilho mais detalhes com vocês no vídeo. Parte do trabalho dela é contribuir para o florescimento feminino, entender o momento da mulher que está ali, sua essência, seu manifesto. Ela usa toda sua bagagem profissional, o visagismo e a antroposofia para entender o que seus traços dizem, como eles se conectam com sua essência. A mulher que você é nesse momento, com toda sua beleza interior e a intensidade dos seus sentimentos vai contribuir para esse trabalho.

Um corte de cabelo não é só um corte de cabelo, tudo que fazemos no nosso exterior precisa estar alinhado com o que está dentro de nós. Espero que a minha experiência te ajude de alguma forma! Abre seu coração e deixa esse relato te tocar, te inspirar e me conta o que você achou de tudo isso!

Beijos com amor, 

Ju