COMO ESTIMULAR O BEBÊ A FALAR

12/11

Como é que você fala com um bebê?! Parece quase automático que a gente faça vozes engraçadas, gesticule, use mais expressões… Mas você sabia que isso se chama “baby talk” e, além de ter fundamento, ajuda no desenvolvimento dos bebês?! Gravei esse vídeo, a convite do aplicativo Kinedu, com várias dicas sobre como estimular o bebê a falar desde o nascimento até o surgimento das primeiras palavras!

Aproveite e baixe o Kinedu 100% grátis aqui.

É verdade que temos uma pequena tagarela aqui em casa, Anne Liv começou a balbuciar com uns 5 meses, vocalizava, dava gritinhos e, aos poucos, foram surgindo sílabas e repetições como mama, papa, e o famoso “ah tá” que ela tanto fala. Como eu uso o Kinedu para entender cada fase da vida da Anne Liv e uso as atividades em vídeo no dia a dia, fui aprendendo muita coisa sobre a fala do bebê e, não só dele, como a nossa fala diante de um bebê.

Como estimular o bebê a falar? Confira estas dicas!

Quer saber como estimular o bebê a falar? Uma primeira dica é conversar bastante com ele, mas tem algumas formas de fazer isso que vão impactar positivamente no desenvolvimento e no futuro dele. Eu sempre conversei com a Liliu durante as atividades do dia a dia, explicando o que eu estava fazendo, mostrando o ambiente à nossa volta, nomeando objetos e pessoas. Por exemplo, durante uma troca de roupa, eu ia narrando todo o passo a passo: “vamos vestir sua roupinha, primeiro colocamos a mão na manga, depois o bracinho. Agora a outra mão e o bracinho novamente. Cadê sua perninha, vamos vestir a calça?’. Basicamente ir narrando o que está acontecendo já ajuda a ampliar vocabulário, estimula o desenvolvimento da linguagem, fortalece a rotina e o vínculo.

Como segunda dica, além de usar a narração e o bate papo no dia a dia, gesticular mais, falar pausadamente, usar suas expressões faciais e até mudanças no timbre da voz são práticas positivas. Esse exagero na articulação, prolongando as vogais, o uso de frases curtas e simplificadas, ajudam o bebê a entender onde começa e onde termina uma palavra dentro de uma frase. Além do mais, o baby talk, ou fala de bebê, transmite mais afeto, o que colabora com o desenvolvimento social.

No catálogo de atividades do Kinedu, você pode fazer uma busca por brincadeiras e artigos relacionados à linguagem, na categoria linguística. A gente usou bastante aqui em casa a atividade “Imitando sons”, que acostuma o bebê com a linguagem humana. Sempre que ela vocaliza algo novo e repito, incentivo, inicio um diálogo ali, deixo que ela conduza e a gente se diverte muito. Fora que agora ela tem respondido quando eu repito a mesma palavra por algumas vezes, ela repete toda feliz. Então é muito gratificante ver o quanto isso tem ajudado no desenvolvimento dela e ouvir mamã, papá, bobó (vovó) é uma das experiências mais especiais que estamos vivendo!

Outras sugestões do Kinedu para essa fase das primeiras palavras são: a leitura de historinhas, poemas e uma que a gente gosta bastante é a atividade de primeira atuação, em que você cria cenas simples com bonecos ou bonecas. Você mostra para o bebê como ele pula, deita, dorme, dizendo o nome da cada ação de forma clara. Anne Liv já sabe o que é andar, deitar, quando eu falo “faz festinha” ela agita os bracinhos e “vamos dar tchau” ela também já sabe o que fazer!

Para você ver o quanto a linguagem é importante, ela tem impacto na compreensão, na segurança emocional, no desenvolvimento social entre tantas outras coisas. E, mesmo antes de eles começarem a falar, nosso papel nisso já faz toda a diferença!

Gostou dessas dicas sobre como estimular o bebê a falar? Então aproveita e baixa o Kinedu grátis no link que está aqui embaixo e comece hoje mesmo a estimular a fala do seu bebê!

BAIXE O KINEDU 100% GRÁTIS.

Você também pode se interessar por:

Vlog do Bebê | Um dia na vida da Anne Liv

5 Brincadeiras para fazer com as crianças nas férias de verão

Beijos com amor,

Ju e Liliu 

publicidade