Críticas | Como Lidar?

1978
06/11

Como você recebe uma crítica? Qual tipo de reação você tem? Você quer lidar melhor com elas? Gravei mais um Domingo Zen para você, levando o assunto e dando dicas práticas para que você possa entender seu padrão de comportamento e reação diante das críticas e fazendo alguns ajustes você passa a lidar muito melhor com elas!

Processed with VSCO with s2 preset

Há quem não dê bola para feedbacks negativos, há que sofra por dias após ser criticado. Entendo que para quem sofre com isso, possa parecer muito difícil mudar esse cenário, mas eu sou a prova viva de que é possível superar, é possível reagir de outras formas e deixar de sofrer por isso. Sempre ouvi, ah não ligue pra isso, não dá bola, mas não é assim tão simples, na verdade a nossa reação é automática, só que ela pode ser diferente e vou te contar como colocar isso em prática.

Primeiro vamos entender como é que você costuma reagir, qual é o sentimento principal que vem à tona quando você recebe uma crítica? De que forma esse sentimento se manifesta no seu corpo, você fica trêmulo, fraco, acelera o coração? Entenda todo esse cenário nos mínimos detalhes, o autoconhecimento também é se conhecer nos seus pontos fracos e, a partir daí, você vai criando seus antídotos para se sentir melhor.

Entendeu como você se sente, quais reações fisiológicas e emocionais você tem, então vamos criar uma linha de raciocínio sobre a crítica, vamos entender melhor o que está por trás dela. Nem todas as críticas devem ser ignoradas, muitas delas podem ser grandes insights para que você evolua, e por mais dolorosas que sejam, elas podem te ajudar se você se permitir olhar com outros olhos. Há críticas sem fundamento, há julgamentos desnecessários, há críticas construtivas  também.

Eu tenho uma frase que sempre me guia na hora dos desafios: O que eu Aprendo com Isso? – se proponha a abrir o coração, deixar o ego de lado, colocar seus pés no chão e entender se existe um aprendizado por trás. Muitas vezes tem, mas a gente de cara se sente contrariado, ofendido, diminuído, rejeitado… não deixe que esses sentimentos te ofusquem do enxergar o real contexto da crítica e para isso é importante se questionar: Isso Faz Sentido? Porque muitas vezes a crítica fala mais sobre quem a fez do que sobre você, fala mais sobre a maneira como a pessoa dá atenção às coisas, mas no fundo pode também carregar um fundo de verdade. Hora de assumir seu lado lógico e para isso damos uma pausa no lado emocional e analisamos mais friamente.

Se a crítica não te representa, não faz sentido, depois de você ter realmente refletido sobre aquilo, tudo bem, hora de descartar e entender que aquilo é a visão da outra pessoa, cada um tem seus valores, sua opinião e o que os outros pensam e dizem sobre você não muda quem você realmente é. Mas tem a crítica que te ensina, tem a crítica que te faz voltar a linha, que machuca porque você sabe que existe razão ali. Você não precisa se ferir por isso, tenha compaixão por você mesmo, assuma que somos seres humanos e podemos evoluir. Respira fundo, quantas vezes forem necessárias, absorve o aprendizado que pode estar por trás e repense as formas como você pode aplicar isso a sua vida. Crescer e evoluir nem sempre é fácil, olhar para nossas feridas é doloroso, mas se você quer realmente se sentir melhor e mais certo de quem você é a vida dia, é essencial enxergar em você o que há de bom e o que há a ser melhorado. A crítica por muitas vezes te dá uma nova perspectiva sobre você mesmo, sobre um possível ajuste que te fará alguém melhor ainda.

VEJA A REFELXÃO EM VÍDEO

REFLEXÕES SUGERIDAS

A crítica tem fundamento?

O que essa crítica realmente quer dizer?

A crítica fala mais sobre mim ou sobre quem a fez?

O que eu aprendo com essa crítica?

Como posso usar esse aprendizado a meu favor?

NOVOS PADRÕES DE PENSAMENTO

Sou um ser humano e estou no processo de evolução

Para me sentir amado, não preciso ser aprovado

A cada dia tenho a chance de ser alguém melhor

O que pensam e dizem sobre mim não muda quem eu sou

É seguro ser quem eu sou e me aceito como sou

Eu perdoo, eu me aceito, eu me amo

Faça sua reflexão sempre que precisar, use os novos padrões de pensamento repetidamente para encontrar alívio, criando assim a mudança que precisa dentro de você para lidar melhor com feedbacks negativos.

Lembre que cada pessoa tem uma forma de enxergar o mundo, isso diz muito sobre ela mesma. Lembre que existem diferentes formas de expressão, algumas pessoas ainda não sabem como fazer diferente. Lembre que para ser amado não precisa ser aprovado, simplesmente ter amor e compaixão por você mesmo vai fazer com que você atraia ainda mais esses sentimentos para sua vida. Quando a gente se abre a novos aprendizados, ficamos cada vez mas preparados, seguros e plenos diante do que nos acontece e nossas reações se tornam mais equilibradas e leves.

Já Baixou o Zen App?

Se você ainda não conhece o meu app Zen, baixe gratuitamente para iPhone e Android! Conheça as trilhas relaxantes, as reflexões diárias, o calendário de humor e também os planos de assinatura das meditações guiadas, afinal a meditação é uma ferramenta poderosa de autoconhecimento, cura e equilíbrio, Se você também deseja isso para a sua vida, agora ficou mais fácil.

VEJA POSTS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

Como Você se Enxerga?

Pote da Gratidão

Respiração para Equilibrar as Emoções

Luz e amor no coração,

Ju