Meus Novos Sonhos de Vida

4379
27/09
O quanto você tem buscado seu autoconhecimento? Eu venho nessa busca, diria com mais foco, nos últimos 4 anos e ultimamente tenho alinhado minha missão de vida, meus sonhos e meus valores ao que faço. Quero dividir com vocês novas ideias, novas vontades e novos sonhos que farão parte de uma nova caminhada em que terei a alegria de dividir com vocês.

 
Mas afinal o que é autoconhecimento? É se descobrir, se redescobrir, mergulhar no seu eu interior e ouvir o que tem de mais puro na sua essência e o que ela te diz. No meu caso, parte dessas descobertas veio por um reencontro com minha criança, os sonhos que ela teve, o que a fazia feliz. Nos últimos 3 anos me formei como Master Practitioner em Programação Neurolinguistica e acabo de me formar em Coaching com PNL. Nessa jornada você tem oportunidade de mudar sua vida exponencialmente para melhor, aplicando seus novos conhecimentos é possível viver mais alinhado com seu propósito e, acima de tudo, saber o que você realmente quer da vida. A partir daí, sabendo da minha missão, dos meus sonhos e analisando quão saudáveis eles são para mim e para as pessoas que eu amo, tenho firmeza e clareza para dar novos passos. Eis alguns que virão e quero muito contar pra vocês!
 
Vontade de aprender algo novo sempre foi uma grande motivação para mim, desde as coisas mais simples, à grandes desafios como subir um vulcão e saltar de paraquedas… dois recentes feitos para eu anotar num caderninho chamado ‘minha história de vida’. Na verdade, venho encontrando nas coisas simples as minhas maiores motivações e no desapego um grande exercício em busca de mais leveza; mantendo o essencial, eu desenvolvo melhor minha capacidade de tomar decisões com mais consciência e intenção. Pra facilitar, listei coisas que fazem meus olhos brilharem e me deixam empolgadíssima, com a mesma empolgação da minha criança – que não precisa ficar lá no meu passado – ela me guia demais nessa nova jornada de evolução.
 
Pintar e Bordar
Bora colocar as mãos à obra! Um dia, depois de uma vivência de arte para não artistas com a escola Epiphânea, comandada pela minha amiga e mentora de arte Kalina Juzwiak do studio kaju.ink, literalmente tive a oportunidade de pintar a parede da casa dela. A partir daí, decidi que ter um caderninho e um punhado de canetinhas, além de uma dúzia de lapis de cor seria uma grande alegria. No dia seguinte, comprei meu super material de arte e tive um chamado para desenhar mandalas. Desenhei, comecei a pintar… levava horas para fazer uma mandala. Até que ontem, quando saí da minha formatura como uma Coach de Vida, desenhei e colori uma mandala em 10 minutos. Era pura inspiração, criatividade e fluência, tudo junto, transbordando. Agora além de pintar mandalas, conhecidas também como uma atividade terapêutica em que você faz as energias fluírem e cria amuletos de proteção, vou começar a estudar e praticar a arte da tecelagem de mandalas, seja com lã, com fio, ainda não sei bem… mas isso é fácil de descobrir! Comecei pintando, reacendi a chama da minha criança livre, da minha criatividade e expressão das minhas emoções… agora é hora de bordar! Uhuuuuu!
 
Cantar e Tocar
Um dia – também quando eu era criança – ouvi que não tinha voz para cantar. Plantaram uma bela de uma crença limitadora na minha cabeça, hoje, diante do meu conhecimento, da minha prática em PNL, sei muito bem quais crenças eu ‘comprei’ de pessoas mais velhas quando criança, quais era realmente minhas e como eu posso quebrar as crenças limitadoras, as transformando em possibilitadoras. Uma das coisas mais fascinantes e importantes que aprendi até hoje! Então azar de quem me disse que eu não podia cantar, eu não acredito mais nisso e vou desenvolver mais uma habilidade. Junto meu meu xilofone hahahah como é legal falar isso, também conhecido como marimba, é algo que me encanta desde novinha, praticamente me hipnotiza. To atrás de um xilofone, também não sei muito sobre isso, então se você tiver dica sobre, please me conta! De preferência que seja simples – pra começar com um passo de cada vez – e que seja colorido hahaha.
 
Corpo e Mente
Passei um tempo afastada das práticas de Yoga e vivia falando o quanto isso me fazia falta. Até quando eu ia ficar lamentando isso, né?! Na formação em Coaching a gente aprende a sair do lugar, colocar prazo para nossos objetivos e realizar. Pois bem, no dia seguinte em que voltei do treinamento, me matriculei numa turma, depois de anos. A meditação já me acompanha quase que diariamente – taí mais uma coisa que preciso ajustar, fazer dela uma prática diária – com meu aplicativo Zen App, ficou muito mais fácil viver de fato a meditação guiada, manter minhas reflexões do dia e ter consciência das minhas emoções, do meu estado atual por meio do calendário de humor. Agora to aqui sonhando em ter um jardim zen para praticar yoga em casa também e meditar mais, colocar minhas pedras, meus incensos e minhas velas, criar uma atmosfera zen, que eu tanto gosto e que tanto me faz bem! Claro que manter um estilo de vida saudável, uma alimentação equilibrada, mas sem neuroses, isso tudo também conta. Na prática eu tenho uma alimentação bem rica em verduras e legumes durante a semana, claro com uma proteína que geralmente é um peixe branco, mas no final de semana eu me permito um vinho com o Crica e quem sabe até um churros de vez em quando hahahaha. Caminhar na praia e andar mais de bicicleta estão entre meus objetivos, sendo que a bicicleta eu já coloquei em prática. Confesso que o frio tem me afugentado da praia, mas nada que um casaquinho não resolva e a primavera já tá chegando. Quando a gente quer, sempre dá-se um jeito! Só não pode ficar adiando aquilo que nos faz feliz, lembre sempre disso.
 
Viagem e Desafios
Eu sempre sonhei em poder viajar o mundo e algo completamente incoerente até então foi o fato de ter autonomia e liberdade no meu trabalho, para poder viajar quando bem entendesse. Mas eu nunca coloquei essa flexibilidade em prática de verdade, me cobrava demais, não relaxava, me preocupava demais… coloquei um basta. Viajar é uma das coisas que mais me faz feliz na vida, me dá aprendizado, me traz novas percepções sobre tudo, sobre mim. Se eu posso levar vocês comigo, se eu posso dividir essas vivências, então por que não?! Pretendo aprender algo novo em cada viagem, seja por meio de um curso, um passeio, uma atividade, um desafio. Vamos juntos explorar nosso país e esse mundão! Seja escalar um montanha, mergulhar, acampar, coisas que eu nunca experimentei estarão no topo da lista de objetivos de viagem. Tá na hora de sair da zona de conforto, viajar pode ser confortável, mas no meu caso quero que seja mais do que isso, quem sabe o oposto… algo que me movimente, que me desafie!
 
Esses foram alguns dos meus insights para esse futuro próximo, que me leva a um futuro não tão próximo, só que ao invés de ser incerto… é mais do que claro onde eu quero e onde eu vou chegar. Alinhando o que eu faço e o que eu vivo hoje ao valor que está por trás dos meus sonhos, ao meu propósito e missão de vida, sei para onde estou caminhando e vou plena durante todo o trajeto.
 
Desejo o mesmo a vocês 🙂 Mais descobertas, autodescobertas e muitos sonhos realizados!

VEJA POSTS QUE VOCÊ PODE GOSTAR
Minimalismo | Primeiras Transformações

 
Beijos com amor,
 
Ju