Minha Experiência com Coletor Menstrual Inciclo | Papo Calcinha

30/09
#publicidade

Já ouviu falar em coletor menstrual? Esse é o assunto do nosso papo calcinha da vez, uma forma segura e sustentável para aqueles dias. Sou adepta do método, uso o coletor da Inciclo e quero te contar tudo sobre ele e a maneira como facilitou meu dia a dia durante o ciclo menstrual.

 
Basicamente o coletor menstrual é um copinho de silicone hipoalergênico, que você usa durante o período menstrual. Você lava entre cada uso, pode ferver, dura até 10 anos e resolve nossa situação sem que você continue jogando absorventes usados ao mundo, já que eles não são recicláveis. Pra você ter ideia, por ano nos Estados Unidos, são descartados mais de 20 milhões de unidades de absorvente. Isso me fez pensar em todos os que já usei e repensar se realmente era legal continuar nesse ciclo, literalmente.
 
A menstruação faz parte de mais da metade da minha vida, se colocar no papel, são 18 anos me virando nos 30 com meu fluxo, um perrengue aqui e outro ali. Nos dois primeiros dias meu fluxo é intenso e por isso são também 2 noites muito mal dormidas, preocupada com vazamentos, que já aconteceram tanto… mesmo com absorvente noturno eu não me sentia 100% segura. Isso sem falar na época em que patinava e usava colan e meia calça, esses dias pareciam não ter fim, já que a insegurança de um possível acidente tava sempre em segundo plano. Sabe aquele momento em que você levanta da cadeira num almoço, depois do trabalho e pergunta pra amiga mais próxima ‘tá tudo certo aqui atrás?’ hahaha quantas vezes não precisei fazer isso.
 
Vocês sabem que eu venho buscando uma vida mais focada no minimalismo e nos últimos meses eu passei a analizar todos os excessos que estavam a minha volta, fruto de uma rotina sem tanta consciência. Passei a eliminar excesso de roupas, eliminei alguns quilinhos, eliminei também excesso de resíduos e lixo que produzia, absorventes são um deles. Tenho duas amigas que usam coletor menstrual e uma das minhas inspirações na internet, a Fe Cortez – do blog Menos 1 Lixo – fez uma matéria bem bacana sobre a experiência dela ao longo de 3 ciclos. Baseada nas boas recomendações que tive e no propósito da sustentabilidade, resolvi aderir ao Inciclo também. No vídeo eu conto sobre minha experiência, que foi bem satisfatória e olha que estava viajando e quando a gente viaja geralmente passa o dia fora, usa banheiros públicos, só que no fim das contas o copinho coletor menstrual ajudou.

 
Comprei meu Inciclo em agosto, junto com outras compras sustentáveis, como um absorvente lavável (para usar junto caso vazasse), com minha composteira para reciclar lixo orgânico em casa e uma pasta de dente orgânica. De tudo isso ele foi o último a ser testado já que precisava esperar meu ciclo chegar hahaha isso aconteceu aqui no México, mas trouxe tudo e vou te contar como ele me ajudou e também o que foi preciso adaptar nos primeiros usos.
 
Vantagens do Inciclo: você pode ficar com ele até 12 horas, isso me facilitou demais, porque só de pensar em levar meu arsenal de lenço intimo, absorvente para me trocar em banheiro publico… seria bem desgastante como já foi por muitas vezes. Calcinha limpa, cada xixi sem sangue, a sensação de higiene é muito maior usando o copinho ao longo do dia. De noite eu fiquei tensa, tava dormindo na cama da minha amiga, roupa de cama branquinha. Lá fui eu e coloquei o absorvente de pano lavável, acordei com tudo limpinho. Tiveram duas vezes nos meus 4 dias e meio de ciclo em que veio um pequeno escape, coisa pouca mesmo. Acredito que tenha vazado porque não posicionei bem, mas isso eu explico abaixo.
 
Já tinha lido as instruções de cabo a rabo, já tava com a cartilha toda na minha cabeça. O coletor menstrual vem em dois tamanhos, A (para maiores de 30 anos ou para mulheres que já tenham filho) e B (para menores de 30 anos, sem filhos). Comprei o A, pensei que meu fluxo é intenso e achei melhor ter esse, já que dura 10 anos e nesse meio tempo pretendo ter filhos. A colocação deve ser levada à risca, você tem algumas formas de dobrá-lo para inserir, algumas posições sugeridas para fazer isso, te digo que fiz todas e prefiro inserir em pé com uma perna levantada e apoiada no vaso sanitário. Preferi colocar bem dobrado e nas primeiras vezes foi estranho, assim como é a primeira vez que você usa um absorvente interno, uma aventura! Depois foi ficando mais fácil e preferi tirar e colocar no banho, já lavo ele lá mesmo e coloco de novo. Lavei com sabão neutro, porque o sangue deixa ele encardidinho. Mas depois você pode ferver também e ao final do ciclo guardar ele no saquinho que vem junto.

VEJA TODOS OS DETALHES NO VÍDEO

 
A partir da minha experiência te dou algumas dicas: coloque ele para trás e não para cima, eu me senti mais confortável cortando a pontinha e deixando ela mais curta. Nas instruções algo que me foi muito útil foi a dica de fazer uma leve forcinha quando quiser tirar, você contrai os músculos e ele desce um pouco, daí você aperta a base para tirar o vácuo e facilita a saída. Mesmo com fluxo intenso, ele não chegou a encher, o que me deixa mais tranquila, agora já sei que não transborda.
 
Vale dar uma olhada no site da Inciclo porque tem tudo muito bem explicadinho, aqui eu preferi contar minha experiência, mas pode ser que você tenha outras dúvidas também! Ah e algo que constatei é que é possível usar o coletor menstrual e o anel anticoncepcional ao mesmo tempo. Esse é meu método contraceptivo e fica inserido na vagina, só que mais profundamente que o Inciclo, então por mais estranho que pareça, cabe tudo lá sem problemas hahaha. São flexíveis e não incomodam, mas caso incomode, pode ser que a colocação não esteja correta. A verdade é que com o tempo você vai se adaptando e pegando o jeito, mas achei muito mais prático, seguro e sustentável para me ajudar naqueles dias!
 
O Inciclo custa R$79, que vão render pelos próximos 10 anos. Esse era o valor que eu costumava gastar com 4 meses de menstruação e, pelos meus cálculos, em 18 anos menstruando, eu já gastei mais de R$3.000 em absorventes que tão poluindo o mundo até hoje. Vivendo aprendendo, que bom que hoje temos opções mais inteligentes!
 
A Inciclo tem loja virtual e vende online: www.inciclo.com.br | Você também pode encontrar em farmácias de manipulação e algumas lojas de artigos naturais.
 
Você já conhecia? Me conta nos comentários! E também deixa sua sugestão para nosso próximo papo calcinha!
 
Beijos com amor,
 
Ju