Reflexão | Utopias

03/11
Utopias que parecem que sim, mas não trazem tanta Felicidade assim…
 
Lamentar pelo que você não tem, quem nunca? Só não vale fazer da lamentação um hábito. É fundamental sonhar, traçar metas possíveis e, às vezes, impossíveis. No fundo nunca sabemos o exatos limites que permeiam as possibilidades e sábias mentes já diziam que você é do tamanho dos seus sonhos. E quando seus sonhos beiram a fantasia e vão se aproximando de pensamentos utópicos? Aí mora o perigo.


 
Utopia é um termo usado para designar um lugar perfeito, um sonho, algo fantástico, porém inexistente. Quem criou essa história toda foi uma celebridade do Renascimento, o inglês Thomas More, para vocês terem ideia, o cara foi lorde, sir, canonizado pela Igreja Católica, então com tanta credibilidade vale refletir sobre a Utopia a qual ele tanto falou.
 
A medida com que você sonha – de acordo com a física quântica – você manda essas vibrações para o universo. Na verdade, não precisa nem sonhar, basta pensar em algo, visualizar uma ideia, acontecimento, isso tudo vibra e volta na mesma frequência. Ter sonhos é praticamente o mesmo mecanismo, no entanto é importante avaliar qual o fundamento dos seus sonhos e entender se eles estão virando utopia, o que chamamos também de fantasia.
 
Pode soar contraditório, já que Victor Hugo em sua poesia afirmava que “não há nada como o sonho para criar o futuro. Utopia hoje, carne e osso amanhã”; mas a utopia a qual me refiro é sobre nossos desejos de atrair felicidade por caminhos incertos.

Em consultório com minha psicóloga, Mirian Pereira, aplicamos muito uma técnica de concentração que consiste em visualizar meus sonhos e objetivos acontecendo, na hora em que eu os realizo vamos buscar qual é a emoção que vem a toa no momento, para entender qual o significado que aquele objetivo alcançado tem. Vale fazer isso em casa, pois garanto que muitas das coisas que a gente acredita que farão toda a diferença na nossa vida, na verdade são utópicas no sentido de trazer felicidade. Simplesmente parecem ser grandes realizações e muitas vezes são apenas auto aprovações.
 
Aquela roupa de marca, o carro do ano,  a boate badalada, a maquiagem daquela blogueira, a câmera profissional que não sei quem usa, o tênis que é lançamento… enfim, daria uma lista enorme, no entanto serve para exemplificar, pensamentos e desejos comuns que vejo muito pela internet. Ponha na balança e no papel seus sonhos listados em duas categorias: TER e SER.
 
Não é crime, nem é um erro querer ter coisas, mas geralmente o material não supre carências afetivas, nem eleva autoestima por muito tempo. Aí quando a moda acaba, a maquiagem perde a graça, você vai lá e precisa arranjar outro TER para tampar o vazio que aparece.
 
Quando você investe no SER, você trabalha internamente uma série de fatores, os quais podem realmente fazer a diferença. Vou me abrir com vocês e comentar alguns anseios na minha lista SER, para que entendam alguns caminhos, sendo que eu sempre estipulo para quando eu gostaria de realizar tal meta ou sonho.
 
Quero ser mais carinhosa com as pessoas a minha volta
Quero ser uma profissional mais completa
Quero ser apresentadora de um programa de TV sobre beleza
Quero ser mais eficiente no meu trabalho
Quero ser mais presente com minhas amigas
Quero ser menos preguiçosa e fazer mais atividades físicas
Quero ser mais magra e manter uma alimentação saudável
Quero ser mais assídua na leitura e no cinema
 
Pronto, é mais ou menos por aí.  Mas o que isso muda na sua vida e na sua felicidade? Realização. Ao alcançar objetivos e ver esses sonhos acontecendo, por menor que sejam, isso vai te trazer uma realização pessoal, profissional, afetiva. Isso eleva autoestima, te faz satisfeita, mais segura, mais preparada. Estudiosos afirmam que as pessoas mais bem sucedidas não pensam muito na hora de uma decisão, pois tem seus valores, ideias e objetivos bem definidos. Ou seja, é importante saber o que se quer e ter consciência do que isso realmente te agrega.
 
Quando você está bem com você mesma, tudo a sua volta vai ficando melhor. Então antes de esperar que as pessoas mudem ou que as coisas mudem, mude ou melhore o que você pode em si mesma. Não perca tempo em se realizar como pessoa, isso vai te render a transformação que você almeja e a transformação, por sua vez, te proporciona uma renovação para melhor.
 
Tem uma citação que eu gosto muito, que cabe direitinho aqui:
 
“Eleve Seus Padrões. Sempre que você quiser sinceramente efetuar uma mudança, a primeira coisa que precisa fazer é elevar seus padrões. Quando me perguntam o que realmente mudou minha vida oito anos atrás, eu digo que a coisa mais importante foi mudar o que eu exigia de mim mesmo. Fiz uma lista de todas as coisas que não aceitaria mais na vida, de todas as coisas que não ia mais tolerar, e de tudo o que aspirava a ser”. (Anthony Robbins do livro “Desperte o gigante interior”)
 
TER não vai te fazer alguém diferente do que se é, SER tem a ver com sua essência e valores. Não dá para ter felicidade, o caminho é ser feliz. Portanto, sempre que sonhar de verdade e buscar uma realização maior, busque os caminhos no SER.
 
Quer ler mais reflexões? Clique no link:

Faça jus ao que te faz feliz

Convivências: Ambientes felizes trazem boa sorte

Beijos com amor, boa sorte e vai lá ser feliz!
 
Ju