YOGA, MEUS APRENDIZADOS | Veda #19

1136
19/04

Tem coisas na vida que vem e dão mais significado a nossa existência, o Yoga, para mim é algo sagrado que me ajuda todos os dias a me conectar com o divino que me habita e abre meu coração para ser alguém melhor em relação a mim mesma. É uma prática muito especial que tem me ensinado muito sobre a vida, sobre o amor e sobre minha missão. Nesse vídeo eu te conto o que o Yoga significa para mim!

Muitos me perguntam se Yoga é uma religião ou tem a ver com alguma religião e apesar de muitos praticantes, yogis e adeptos serem extremamente espiritualizados, não existe um vínculo ou imposição religiosa. Nossa principal saudação ‘Namestê’, significa que o divino que habita em mim saúda o divino que habita em você e realmente sinto isso, que somos abraçados como somos, independentemente de nossas crenças ou ideologias, somos bem vindos no ambiente do Yoga.

Yoga vai muito além de uma prática física, é também uma filosofia, um estilo de vida, um caminho de muitos aprendizados sobre si mesmo. Nas práticas costumamos entoar mantras, meditar, fazer asanas (posturas) e também temos grupos de estudos para nos aprofundar também nos ensinamentos milenares dessa prática que leva a uma grande conexão espiritual para aqueles que isso buscam. Claro que existem muitas vertentes, muitos estilos e adaptações, e isso, na minha opinião, é ótimo, porque possibilita que você encontre aquele que combine mais com você. Inclusive para quem busque apenas uma prática física também é possível, mas com o tempo isso vai despertando algo muito forte em nosso interior, quando estamos preparados para uma maior abertura à espiritualidade.

Para mim é uma grande terapia, os pranayamas – respirações – são uma forma de absorção da energia vital e são extremamente poderosos, em cura, em energização. As posturas trabalham o equilibrio, a força e a flexibilidade, além de tudo, aprendemos a desenvolver a permanência nisso tudo. Isso é um paralelo com a vida, sempre penso que essas características são fundamentais no dia a dia também. Então meus aprendizados ao lado da kula – da minha família yogi – dentro da shalinha – nossa sala de prática – vão além, transcendem aquele ambiente e se estendem por toda minha vida. É como se algo em mim estivesse renascendo a cada dia. E sei que está.

VEJA TODOS OS DETALHES NO VÍDEO

VEJA MAIS POSTS DO VEDA

Treino Funcional + Como Aprendi a Gostar

Quando a Vida Fica Sem Brilho | Domingo Zen

Namastê =)

Beijos com amor,

Ju