O que eu faria diferente na reforma?

02/06

O que eu faria diferente na reforma da cobertura?

Depois de uma reforma a gente descobre algumas coisas na prática, né? Neste vídeo te conto o que eu faria diferente aqui na nossa cobertura!

O que eu faria diferente na reforma?

Quando você chegou aqui? Quando as paredes eram cinzas? A partir do dia de mudança?

Essa casa era um sonho para mim, e fizemos diversos diários de reforma. Agora bora conferir o que eu faria diferente na reforma!

Entrada da casa

Logo quando entramos pela porta principal, encontramos um espaço onde ficam sapatos voando. 

Eu fico vendo os projetos da minha amiga Patricia do Doma Arquitetura, e ela é a rainha da chapelaria. Eu não consigo imaginar como funcionaria aqui, mas gostaria de deixar tudo menos aparente. 

De baixo da escada, vamos colocar algumas plantinhas. Uma ideia futura, se a chapelaria não funcionasse, era ter um apoio de um marceneiro para fazer prateleiras para os calçados. 

Sala

Você lembra o quanto foi difícil escolher o tapete novo da sala? 

Eu tive essa dificuldade, por conta do ripado branco que brigava com os todos os modelos. Ainda me pergunto se a escolha de ripado fosse outra, se eu teria mais facilidade de compor a sala. 

Será que um dia eu vou me cansar dessas ripas?

Veja como foi a reta final do diário da reforma da sala

Área externa

Na loja, o piso parecia um pouco mais escuro do que realmente é. Quando bate o sol, ofusca muito, e eu que tenho muita sensibilidade nos olhos, preciso estar sempre de óculos por aqui.

Além disso, as sujeiras ficam bem mais aparentes. 

Tomadas

Temos poucos pontos de tomadas disponíveis, e nós precisamos muito por trabalhar com equipamentos e iluminação. Então, viva a extensão. 

Optamos por não trocar o piso da casa, mas caso isso acontecesse, eu teria escolhido tomadas de piso, que ficam debaixo da mesa de forma mais estratégica.

Cozinha 

A porta da cristaleira veio por último, e eu não percebi no projeto de reforma que a moldura dela era cinza. Se tivesse sido verde teria dado mais continuidade à parede.

Eu conversei com a Bontempo, e descobri que é possível eles pintarem! Então, logo eles vão levar a porta para essa pequena reforma. 

Você pode estar pensando “mas é só um detalhe”, mas nós queremos que isso dure por muitos anos.

Sobre a Farm Sink Corian, ela suja, mancha e deixa as sujeiras muito mais aparentes. Eu não teria outra, mas é preciso ter bastante manutenção. 

A estante suspensa é um charme, mas na minha percepção, ela não precisava descer tanto. Pessoas mais altas podem bater a cabeça, embora o Crica ainda não tenha batido. 

As paredes, tanto clara quanto escura, sujam muito. Talvez um papel de parede fosse diferente, mas nós amamos o verde, e estamos pensando em pintar toda a cozinha dessa cor. 

Veja o tour pela cozinha reformada!

Você acompanhou essas transformações? Gostou de saber o que eu faria diferente na reforma? Conta lá no vídeo!

Beijos, 
Ju