Tour pelo Closet + Organização dos armários das crianças

22/06

Uma semana de casa nova e quase tudo em ordem! Bora fazer tour pela organização dos armários das crianças e pelo meu closet?! 

Espero que goste de ver como ficou! Você consegue manter bastante a organização dos armários por aí?

Organização do armário da Liliu

Começamos pelo quarto da Liliu, minha filha mais velha de 3 anos. O antigo apartamento só tinha um quarto, então essa é a primeira vez que ela tem um cantinho só dela e ela está muito feliz.

Aproveitamos os armários que já tinham nesse apartamento, e apenas trocamos os puxadores prateados por outros cor de rosa. 

O que fizemos para melhorar a organização:

  • Padronizamos aos poucos os cabides, e escolhemos os de veludo para a roupa não escorregar;
  • Separamos as roupas de frio;
  • Depois separamos os vestidinhos e salopetes;
  • Colocamos colmeias para camisetas, blusas, calça, shorts, pijamas e outras peças.

Ainda assim, conseguimos espaços para: 

  • Guardar os sapatos;
  • Separamos as roupas de doação;
  • Roupa de cama e toalha;
  • Roupas de praia;
  • Jogos, bolsas e algumas fantasias

E isso foi possível por conta da Tatiana França. Já tínhamos trabalhado com ela anteriormente, e dessa vez contratamos para o pós mudança. 

Vale a pena esse investimento? Sim!
Foi um bom investimento! As meninas trabalharam dois dias em casa após a mudança, e revolucionaram a nossa organização. 

Organização do armário do Liam

Ainda estamos sem puxados, mas já encomendei alguns no formato de nuvem. Logo vocês poderão ver!

No quarto do Liam, temos um pequeno grande problema. Hoje o quarto está sem cortina. Quando ela está no suporte, ela bate no armário e não é possível abrir as gavetas. Isso já acontecia antes mesmo de nos mudarmos. Por isso, vamos trocar o gaveteiro de lugar. O marceneiro já está vendo isso!

Também usamos colmeias para separar as roupas do Liam, inclusive as fraldas laváveis dele. 

A maioria dos sapatos foram presentes de amigas que têm filhos. Até um tênis da Liliu ficou para ele, legal, não é? 

Curiosidade!

Sabia que é muito legal para os bebês estarem em contato com espelhos? O Liam adora! Eles criam a própria identidade ao se olharem, vão se familiarizando com eles mesmos e isso ajuda no reconhecimento de si mesmo. 

Organização do meu closet

Você lembra que no vídeo de Dia de Mudança e Primeira Noite na Cobertura eu comentei que estava pensando em deixar a cortina mais clara no meu quarto? Uma seguidora comentou que o sol poderia queimar o tecido, como tinha acontecido com ela. 

Com isso, estamos vendo com o Rubens, responsável por cuidar de todas as cortinas, está fazendo um orçamento para salvar o blackout que tinha anteriormente. Assim o custo será menor. 

Agora na organização do meu closet!

Bolsas são pensas que eu tenho um pouco mais de foco, mas sapato eu tenho muita dificuldade. 

Já a parte das roupas, as meninas da Tatiana Franca etiquetaram minhas prateleiras para facilitar na locação. Hoje minhas prateleiras estão divididas da seguinte forma:

  • Manga longa;
  • Blusas;
  • Meia manga;
  • Calças jeans;
  • Outras calças;
  • Saias;
  • Calças de veludo;
  • Vestidos da época de gravidez – que vão para um bazar;
  • Blusões mais pesados;
  • Conjuntos;
  • E algumas banguncinhas!

Nas gavetas temos:

  • Biquínis e maiôs;
  • Camisetas;
  • Shorts jeans;
  • Tops e acessórios de ginástica;
  • Roupas fitness – ginástica, corrida e yoga;
  • Casacos;
  • Capas chuvas;
  • Sutiãs, calcinhas;
  • Meias e meias-calças;
  • Pijamas.

Outras roupas ficam penduradas, como:

  • Tops e blusas mais curtas;
  • Blusas mais arrumadinhas;
  • Peças com texturas;
  • Casaquinhos e jaquetas;
  • Shorts mais arrumadinhos;
  • Saias;
  • Vestidos;
  • Calças mais arrumadas;
  • Peças mais compridas

No calceiro:

  • Peças de couro ecológico e fake;
  • Cintos;
  • Acessórios. 

Uma das coisas que eu descobri sobre mim é que eu adoro comprar roupas e acessórios de inverno, embora eu use muito pouco. Tem alguma coisa que você compra em saber exatamente por que?

Ah, e vale lembrar que eu ganho muitas roupas por conta do meu trabalho. Eu tento sempre passar para frente as peças que eu não uso tanto e deixar essa energia circular. 

“Mas Ju, e o minimalismo?”

O minimalismo me ajudou muito em uma fase onde eu estava muito apegada a coisas, e caminhando para um estilo de vida que não ia de acordo com a minha essência. 

Com o minimalismo, eu consegui entender quem é a Juliana, o que era ansiedade, o que era impulso, o que funcionava para mim. Porém, eu não me considero uma pessoa minimalista. 

Bônus: minha penteadeira

Um cantinho muito especial é minha penteadeira. Ela tem mais de 10 anos, e me acompanha nessa trajetória. 

Comentei um pouco mais sobre ela em Resenha da Base Double Wear da Estée Lauder

Quando eu comecei no Youtube, em 2009, eu mandei fazer com um marceneiro, juntei meu dinheiro dos trabalhos, e solicitei essa penteadeira. E eu estou muito feliz em ter ela de volta com um espaço especial. Revitalizamos ela com a cor da parede e será meu cantinho para trabalho, maquiagem e agradecimentos. 

Eu gosto muito de ter um espaço para as coisas, pois colocamos a energia de cada tarefa naquele ambiente. E a neurociência fala que o ambiente físico interfere em várias outras questões. 

E eu sou muito grata de ter meu espaço de volta, assim como as crianças têm os delas agora! 

 

Agora é sua vez! Me conta o que deu certo – ou não – na sua organização 😉 

Beijos,

Ju Goes